Os 3 Piores Filmes de Novembro de 2019

Piores filmes de novembro de 2019. Mesmo quando a safra de filmes é boa, temos algumas decepções. Em novembro, não foi diferente. De grandes blockbusters a comédias nacionais, nào faltaram opções para  lista dos piores filmes de novembro.

 

Confira as listas dos meses anteriores:

Piores Filmes de Janeiro

Piores Filmes de Fevereiro

Piores filmes de Março

Piores Filmes de Abril

Piores Filmes de Maio

Piores Filmes de Junho

Piores Filmes de Julho

Piores Filmes de Agosto

Piores Filmes de Setembro

Piores Filmes de Outubro

 

E agora, vamos ao pódio dos piores filmes de outubro de 2019:

3- As Panteras

Apesar do bom elenco e do grande investimento, As Panteras teve péssima recepção de público e crítica. Infelizmente, o projeto, dirigido escrito e produzido por Elizabeth Banks, resultou em um remake genérico e sem a energia necessária para justificar a retomada da franquia.

 

2- Midway – Batalha em Alto Mar

Com apenas 42% no Rotten Tomatoes, Midway se resume a algumas boas sequências de ação colocadas entre cenas de uma drama clichê.

 

1- Os Parças 2

Com a mesma fórmula fracassada de Os Parças, a continuação mentém o nível baixo de qualidade. Infelizmente, nem sempre o que funciona na TV dá certo no cinema, nem o que dá certo no Youtube funciona como narrativa cinematográfica.

No filme, Após saber que China deixou a cadeia e está em busca de vingança, Romeu (Bruno de Luca) precisa conseguir dinheiro para deixar o país o quanto antes. Para tanto, Toin (Tom Cavalcante), Ray Van (Whindersson Nunes) e Pilôra (Tirulipa) juntam forças para reformar uma colônia de férias, de forma a atrair jovens de todo tipo. Quando o empreendimento enfim começa a funcionar, eles logo passam a competir com uma colônia vizinha, bem mais requintada.

 

Nota do Razão de Aspecto

 

O que você achou?

 
[Total: 4    Média: 2.5/5]
Posts relacionados
  • 9 mar 2017
  • 0
Negação é um drama de tribunal, que dramatiza a luta legal da escritora Deborah E. Lipstadt (Rachel Weisz) contra David Irving (Timothy Spall), escritor que pregava a...
  • 22 set 2016
  • 0
O crítico Lucas Albuquerque, do Cinem(ação), faz sua primeira participação no Razão de Aspecto com crítica sobre o primeiro longa metragem da mostra competitiva do Festival...
  • 4 dez 2016
  • 0
Maurício Costa comentou o filme Cubano Viva, logo após a sessão no Espaço Itaú de Cinema. Nota do Razão de Aspecto: