Os 3 Piores Filmes de Agosto de 2019.

Piores filmes de Agosto. Mesmo no período dos grandes lançamentos do ano, chegam aos cinemas algumas produções de nível mais baixo. Para a minha supresa, o remake de Brinquedo Assassino ficou fora da lista, conseguindo um desempenho regular em termos de entretenimento.

Confira as listas dos meses anteriores:

Piores Filmes de Janeiro

Piores Filmes de Fevereiro

Piores filmes de Março

Piores Filmes de Abril

Piores Filmes de Maio

Piores Filmes de Junho

Piores Filmes de Julho

E agora, vamos ao pódio dos piores filmes de agosto:

 

3 – Nada  perder 2

Após deixar a prisão, em 1992, Edir Macedo (Petrônio Gontijo) atravessa uma série de provações: a conduta inapropriada de outros bispos da Igreja, o ataque de políticos e católicos, a doença de sua mãe, a tragédia do desabamento do teto de uma Igreja em São Paulo. Enquanto isso, fiéis começam a ser perseguidos nas ruas e as Igrejas correm o risco de fechar. Pressionado, ele decide subir o monte Sinai e visitar Jerusalém, onde tem uma ideia: construir o Templo de Salomão, réplica do local homônimo citado na Bíblia, localizado em São Paulo.

 

2-  o Amor Dá Trabalho

Malandro e aproveitador, Ancelmo (Leandro Hassum) morre e acaba ficando preso no limbo. Para garantir seu lugar no céu, ele precisa praticar uma boa ação e bancar o cupido, pois recebe a missão de unir um homem (Bruno Garcia) e uma mulher (Flávia Alessandra) com personalidades muito divergentes.

 

1- Anna: O perigo Tem Nome

Oficialmente, Anna Poliatova (Sasha Luss) é uma modelo famosa e muito requisitada pelas marcas de luxo ao redor do mundo, mas o maior segredo que esconde é que ela é uma das assassinas mais perigosas e bem treinadas da KGB. No entanto, Anna fará de tudo para se sentir liberta da repressão do governo russo.

Com apenas 33% de avaliação positiva da crítica no Rotten Tomatoes, Anna: O perigo Tem Nomeé mais um fracasso de crítica e de bilheteria de Luc Besson.

Curtiu a Lista? Publique a sua nos comentários!

Nota do Razão de Aspecto

 

O que você achou?

 
[Total: 0    Média: 0/5]
Posts relacionados
  • 21 set 2017
  • 0
Passada a primeira metade do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, o Razão de Aspecto alcançou a marca de 35 filmes (entre curtas e longas...
  • 22 set 2017
  • 1
No 7º dia do Festival de Brasília o Razão de Aspecto acompanhou novamente a Mostra Competitiva e a Mostra Brasília, chegamos, portanto, aos 40 filmes...
  • 8 set 2016
  • 0
Gênero: Ação (em primeira pessoa), ficção científica. Direção: Ilya Naishuller Roteiro: Ilya Naishuller, Will Stewart Elenco: Andrei Dementiev, Cyrus Arnold, Danila Kozlovsky, Darya Charusha, Haley Bennett, Ilya Naishuller, Jake...