Mormaço (2019)- Cinema em um Parágrafo

Mormaço, dirigido por Marina Meliande e coescrito por ela e Felipe Bragança — dupla que já trabalhou junta no ótimo Não Devore Meu coração —, mistura drama, política e fantasia no desenvolvimento de uma narrativa poderosa sobre o Rio de Janeiro, na camada mais evidente, e o Brasil, na camada mais profunda, tanto no que tem de literal quanto no que tem de alegórico ao longo dos seus quase noventa minutos. Com excelente atuação de Mariana Provenzzano no papel de Ana, uma defensora pública, Mormaço coloca em evidência os conflitos latentes da sociedade brasileira: o descaso com a vida das pessoas, a prevalência dos interesses econômicos sobre os humanos e a gradual perda de identidade, provocada pelo desenraizamento forçado. Essa perda gradual reflete-se nos personagens – e não posso falar mais do que isso, para não prejudicar a experiência. Ao escolher como contexto a realização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Mormaço consegue chamar a atenção para problemas que atingem as populações mais vulneráveis até hoje, com uma abordagem original para o cinema brasileiro, apostando no realismo fantástico como linguagem de representação. Trata-se de um dos melhores filmes nacionais lançados até o momento, em 2019.

Sinopse: Ana (Mariana Provenzzano) é uma defensora pública que trabalha contra a remoção da Vila Autódromo, comunidade da zona oeste do Rio de Janeiro que a prefeitura deseja riscar do mapa em virtude das instalações esportivas das Olimpíadas de 2016. Ela mesma correndo risco de perder sua casa por conta da especulação imobiliária que assola a cidade, Ana, cada vez mais cansada por conta do clima e da árdua luta, de repente percebe o surgimento de marcas misteriosas em seu corpo.

Leia a fica técnica aqui.

Nota do Razão de Aspecto

 

O que você achou?

 
Posts relacionados
  • 3 nov 2016
  • 0
Doutor Estranho é a prova que a Marvel/Disney sabe ganhar dinheiro e sabe também gastá-lo muito bem. Gênero: Aventura Direção: Scott Derrickson Roteiro: Jon Spaihts, Joshua Oppenheimer, Thomas...
  • 3 jan 2017
  • 4
Eu lembro de uma das primeiras coisas que pensei quando assisti o primeiro episódio de House of Cards: agora as provedoras de TV a cabo...
  • 3 fev 2019
  • 0
Sweetheart / USA (Director: JD Dillard; Screenwriters: JD Dillard, Alex Theurer, Alex Hyner; Producers: Jason Blum, JD Dillard, Alex Theurer, Alex Hyner, Bill Karesh; Principal Cast: Kiersey Clemons, Emory Cohen,...