OS 10 Piores Filmes do 1º Semestre de 2017
framboesa

Muitos filmes sensacionais chegaram nos cinema brasileiros neste primeiro semestre. Boa parte deles ainda de 2016, que chegam com atraso no Brasil. Contudo, nem só de La La Lands, Moonlights e Logans vive a sétima arte… muitas bombas daquelas que doem de ter pago ingresso caro fizeram parte das lembranças negativas – foi até difícil fechar um ranking dos Piores só com 10….
Esta lista é pessoal, então convido a todos a colocar a própria lista nos comentários.

Vamos aos Piores filmes do 1º Semestre de 2017 (infelizmente com três filmes nacionais…):

10) PERSONAL SHOPPER 

Talvez o filme menos conhecido da lista, porém o mais polêmico. Parte da crítica amou este longa. A premissa é boa, mas a execução terrível. O roteiro tenta enganar o espectador da pior maneira possível. O subtexto fica envolto a uma identidade torta. A montagem abusa de recursos, como fade outs, sem sentido – ou pior conscientemente sem sentido. E há um famigerado “arco” de uma conversa via sms que desafia a paciência do público. A coitada da Kristen Stewart nem tem tanta culpa, mas ela conseguiu um projeto pior que Crepúsculo.

Confira a crítica completa de Personal Shopper



9) UM ESPAÇO ENTRE NÓS

A história do menino que nasceu e cresceu fora da Terra poderia render reflexões, ter um cunho científico interessante ou até uma história de amor convincente. No entanto, as reviravoltas são previsíveis desde a primeira cena. O trato da parte científica é nada além de ridículo. O romance é baseado em mentiras e fica tudo bem. A aventura tem problemas que são resolvidos de maneira frágil e convenientes. Em suma: nada funciona.

Confira a crítica completa de Um Espaço Entre Nós



8) INTERNET – O FILME

Reúne várias “estrelas” do mundo da internet, mas consegue ser pior que o filme da Kéfera, o É Fada…. Beira um amontoado de esquetes sem um fio condutor. Até o título é problemático: já que o longa representa um espectro muito pequeno da internet – além de precisar usar figuras da TV para se apoiar – e a explicação de que é um filme é um tanto redundante (a sala escura, a pipoca e o ingresso caro já não eram dicas suficientes que se tratava de um filme?).

Confira a crítica completa de Internet – O Filme



7) O CHAMADO 3

O Chamado 3 tem como grande mérito tirar Dominação (outro terror do ano) da lista dos piores. A história segue todos os clichês genéricos do terror: vemos idas ao cemitério, personagens se afastando sem motivo, atitudes estúpidas, outras deduções inteligentes que não condizem com a estupidez anterior, jumpscare como muleta, viradas cretinas – e até trailer enganador, ao mesmo tempo que entrega mais do que devia….o número 7 vem mais como enganação do que como uma mega simbologia. O terror, em meio a isso tudo, fica um grande nada sem força.

Confira a crítica completa de O Chamado 3

 



6) CINQUENTA TONS MAIS ESCUROS

Se você detestou Cinquenta Tons de Cinza, calma… guarde os adjetivos negativos para esta sequência. Os 50 Tons Mais Escuros consegue ser incrivelmente pior. O exemplo parte desde a trilha (premiada antes), que agora berra a todo instante, passa pelas contradições dos personagens e chega até nas famigeradas cenas de sexo – que de excitante tem pouco. Mas do que ter um material pobre, o longa se supera no descuido como na cena do problema aéreo ou mesmo na quantidade de humor involuntário. Mas guenta o coração que tem pelo menos mais um filme da saga vindo aí…

Confira a crítica completa de Cinquenta Tons Mais Escuros


5) NINGUÉM ENTRA, NINGUÉM SAI

A medida aqui é simples: você achou genial o trocadilho sexual do título? Se a resposta for positiva então você vai rir com o filme. Caso contrário, bem… terá uma das mais insossas experiências cinematográficas do ano. Um combo de sexo sem sexo, com piadas batidas e personagens clichês tentam rechear a duração do filme, mas claro o resultado é um grande nada. O misto de vírus “mortal” com hotel de luxo que não é de luxo tem como consequência um amontado de bons humoristas sem ter o que fazer.

Confira a crítica completa de Ninguém Entra, Ninguém Sai

 


4) RESIDENT EVIL 6: O CAPÍTULO FINAL

A franquia nunca foi a minha favorita, mas eu tinha esperança que este entregasse algo mais bem acabado. O problema: eu não vi o filme. Sim, eu estava na sala, mas o longa é feito a base de um pisca pisca irritante, que boa parte dele requer um esforço de adivinhação do que está se passando. A trama é pífia: motivações erradas, explicações absurdas e subtextos que sobram. Não ser fiel ao jogo, acreditem, é o menor dos problemas…

Confira a crítica completa de Resident Evil 6


3) A BAILARINA

Normalmente eu não ligo tanto para o teor das mensagens do filmes, eu me importo mais no como aquilo é passado. Em A Bailarina, há falhas nos dois sentidos: a mensagem é MUITO errada, coisas como “não se esforce”, “minta” e “traia quem confia em você” são exaltadas. A quantidade de personagens – alguns com a única função de dizer o próprio nome – tornam a jornada ainda pior

Confira a crítica completa de A Bailarina


2) BELEZA OCULTA

Os responsáveis pelo filme sabem como fazer o público chorar. Mas há dois tipos de lágrimas aqui: aqueles que choraram por ter gasto tempo e dinheiro com essa bomba e aqueles que genuinamente choraram de emoção. Para este segundo grupo, faz-se necessário uma reflexão: percebam os artifícios maniqueístas que o longa utiliza para arrancar emoção: amor, morte e tempo são temas fortes e complexos, aqui tratados como uma cor única. Cada representação dos temas só segue por um caminho. As 897 viradas na trama soam tão vazias que não há surpresa. Incrível como o elenco desse filme se submeteu a isso…

Confira a crítica completa de Beleza Oculta


1) GOSTOSAS LINDAS E SEXIES

Gostosas Lindas e Sexies é muito problemático. A proposta de dar voz à mulheres que fogem daquele padrão batido de beleza é ótima. No entanto o filme se boicota a todo instante. O empoderamento não é visto e o reforço de esteriótipos grita a todo instante. A narrativa é vazia, e o cotidiano soa artificial (ninguém tem aqueles diálogos) até para um filme de comédia – aliás, parabéns para quem rir aqui. Representatividade e cinema são muito mais do que isso. Potencial pior filme não só do semestre, mas de todo o ano.



UFA….depois dessa lista de Piores quero rever um A Chegada ou então mergulhar novamente na trilogia do Poderoso Chefão…



E para você: quais foram os Piores filmes deste ano até agora?

Posts relacionados
  • 14 jul 2016
  • 0
Gênero: Ação Direção: Paul Feig Roteiro: Katie Dippold, Paul Feig Elenco: Andy Garcia, Annie Potts, Bill Murray, Cecily Strong, Chris Hemsworth, Dan Aykroyd, Elizabeth Perkins, Ernie Hudson, Kate McKinnon, Kristen...
  • 7 maio 2019
  • 1
The last of The Starks. O quarto episódio da derradeira temporada de Game Of Thrones nos reservou algumas surpresas. A primeira delas, que, de certa forma,...
  • 9 fev 2017
  • 0
Os Capacetes Brancos está indicado para melhor curta de documentário no Oscar de 2017. CONFIRA AQUI TODAS AS NOSSAS CRÍTICAS DOS INDICADOS AO OSCAR 2017  ...