Estados Unidos Pelo Amor (2016) – Cinema em um Parágrafo

Estados Unidos pelo Amor é um filme frio. Frio na fotografia. Frio na direção. Frio na abordagem dos temas. Ao mesmo tempo, é denso e intenso, ao tratar dos sentimentos profundos daquelas personagens com uma linguagem de documentário observacional. Adultério, homossexualidade, repressão sexual, pornografia e violência contra a mulher são os temas discutidos neste drama polonês de forma crua e não maniqueísta. Ambientado no período de queda da cortina de ferro, Estados Unidos pelo Amor retrata como a repressão social se refletia na vida privada das mulheres, em todos os seus desejos contraditórios. Nota. 4/5.

Quer mais filmes com essa coragem temática? Veja as nossas críticas de:

Elle (vencedor do Globo de Ouro)

Viva 

O Silêncio do Céu

Posts relacionados
  • 2 jun 2017
  • 4
Maio felizmente foi muito melhor para o cinema que Abril (confira aqui quais foram os 3 melhores de Abril). A briga foi ferrenha para entrar...
  • 12 dez 2016
  • 0
Crepúsculo requentado?  Até é, mas tem uns atrativos… Gênero: Romance, fantasia Direção: Scott Hicks Roteiro: Kathryn Price, Nichole Millard Elenco: Addison Timlin, Jeremy Irvine, Daisy Head, David Schaal, Elliot Levey, Harrison...
  • 21 nov 2019
  • 0
Longa que estreia hoje (21/11) no Brasil vem conquistando importantes prêmios mundo afora ‘A Vida Invisível’, de Karim Aïnouz, acaba de ser indicado ao Independent...