NETFLIXING: O HOMEM QUE VIU O INFINITO (2016) – CINEMA EM UM PARÁGRAFO
Um filme bastante humano sobre um homem das exatas.


Não deixe a sinopse de O homem que viu o infinito desencorajar você: embora se trate da cinebiografia de um matemático, o filme é centrado no humano. O indiano Srinvasa Ramanujan causou tremendo impacto em sua curta vida, na década de 1910, revolucionando áreas como a matemática analítica, a teoria dos números e as séries infinitas. Mas o espectador não precisa entender sobre isso: o filme se concentra na relação entre Ramanujan (Dev Patel, de Quem quer ser um milionário?) e seu tutor na Universidade de Cambridge, G.H.Hardy (Jeremy Irons, de… um monte de coisas!). Em seu segundo longa, o diretor Matt Brown explora o misto de fascinação e impaciência de Ramanujan ao ser apresentado ao formal ambiente acadêmico inglês. A fotografia de Larry Smith (de De olhos bem fechados) mostra bem o contraste entre a ensolarada e colorida Índia e o  ambiente cinza e de escritórios escuros da Inglaterra. Patel está ligeiramente caricatural em algumas cenas, mas Irons dá um show de interpretação, em um arco de ensino e aprendizado entre orientador e orientando. 3,5/5


Mais biografias de gênios passadas na Inglaterra? Veja

O jogo da imitaçao e  A teoria de tudo.

Posts relacionados
  • 31 out 2016
  • 0
Trolls funciona para o público-alvo, crianças com menos de 10 anos. Para os adultos, nem tanto… Pegue todas as cores do mundo, canções a cada piscada...
Sundance
  • 21 jan 2018
  • 1
Segundo dia do Festival de Sundance 2018 e o Maurício Costa cobriu três longas e ainda viu um filme do Nicolas Cage pertinho do próprio...
51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro
  • 20 set 2018
  • 0
No sexto dia do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro foram exibidos, na Mostra Competitiva, 2 filmes: o curta Aulas que Matei e o longa Ilha....