Netflixing: TOO LATE (2015) – Cinema em um parágrafo

 

Too Late causa uma primeira impressão confusa. Nos primeiros minutos, parece um filme trash, pretensioso e mal executado. Uma imitação barata de filmes policiais dos anos 70. De repente, um evento muda toda a perspectiva, e o espectador é jogado na narrativa de um noir moderno. Está tudo lá: o protagonista anti-herói bizarro, a mulher de caráter duvidoso, o antagonista mórbido, a atmosfera sombria e o cenário completo do submundo, neste caso, de Los Angeles. Tudo isso reunido em uma história de crime contada de forma não linear, que consegue surpreender. A bizarrice fica completa com as interpretações, que são propositalmente grandiloquentes – isso pode incomodar. Se você gosta de se arriscar com filmes diferentes, este é o certo pra você. Nota 3,5/5.Para mais cinema em um parágrafo de filmes da Netflix:

Blue Jay

A História Real de um Assassino Falso

7 Años

Posts relacionados
  • 19 jan 2017
  • 0
Hoje, começa o Festival de Sundance 2017. O Conexão Sundance vai contar tudo pra você com textos, vídeos, entradas ao vivo no Facebook e no...
  • 29 out 2016
  • 0
Satânico é um filme de terror despretensioso que não consegue entregar o pouco que pretende. Gênero: Terror Direção: Jeffrey G. Hunt Roteiro: Anthony Jaswinski Elenco: Sarah Hyland, Marc Barnes, Steven...
  • 6 out 2016
  • 0
  O Documentário #EraDosGigantes recebeu crítica no canal Meus 2 Centavos, de Tiago Belotti, um dos cinco maiores canais de cinema do Brasil. Confira a crítica: