Tô Ryca! (2016) – Cinema em um Parágrafo

Tô Ryca! tem potencial… potencial para ser o pior filme nacional do ano. Se você gostava do Zorra Total de 5 anos atrás ou se gosta do estridente e caricato humor de Samantha Schmütz, talvez possa se divertir com essa tragédia. Caso você goste de cinema, então dificilmente apreciará o que está vendo em tela. “Tô Ryca!” é uma das piores produções da cinematografia brasileira em 2016. Esteriótipos preguiçosos, críticas rasas e piadas sem graça (que tal rir de um urubu evacuando na cabeça da protagonista?).  Elenco afetado, roteiro sem sentido e cinematograficamente nulo. A premissa é absurda, o desenvolvimento é conveniente e a conclusão abrupta e clichê. Há um arco sobre a candidatura da protagonista que exige MUITA suspensão de descrença ou algo muito além disso. Nota: 1 Estrela.

Leia a ficha técnica aqui.

Por Lucas Albuquerque

Posts relacionados
  • 17 dez 2017
  • 4
É inevitável. Depois de todo lançamento de um filme da franquia Star Wars, acabamos comparando o novo com o velho. Os últimos Jedi é uma continuação digna...
  • 20 jul 2014
  • 0
Sinopse: Daniela é uma garota de 17 anos que foi criada em uma família evangélica, em Santiago. Por viver em um ambiente opressor, Daniela usa como...
  • 23 abr 2019
  • 0
Não lembro onde nem quando assisti a Napoleão (“Napoléon”, 1927), obra-prima de Abel Gance e um dos maiores filmes produzidos na era muda. Lembro, isso...