Netflixing: Veronica (2017) – Será tão aterrorizante assim?

Você pode ter visto comentários sobre o filme Veronica, lançado em fevereiro na Netflix. Lançado em 2017 no Festival Internacional de Cinema de Toronto, Veronica foi apresentado como um filme aterrorizante, do qual muitos espectadores não conseguiam chegar ao final, tamanho o horror. Foi também divulgado que no Rotten Tomatoessite que mostra a tendência da reação da crítica e do público, o filme estaria com 100% de aprovação (já não está mais…).

Não caia na propaganda excessiva: embora seja um filme bonzinho, que se saia razoavelmente bem no que se propõe, ele está longe de ser um marco ou um divisor de águas no cinema de terror. Dito de outra maneira… se você não está acostumado a assistir a filmes do gênero, poderá ter bons momentos de tensão e medo. Mas se você já tem experiência com esse tipo de obra, encontrará vários dos clichês do gênero, realizados com funcionalidade, mas sem grandes inovações.

Dirigido pelo espanhol Paco Plaza, famoso pela franquia [REC], na qual dirigiu os três filmes, Veronica conta a história de uma jovem de 15 anos que, em 1991, junto com colegas do colégio, resolve usar uma tábua de Ouija para fazer contato com os mortos. Sua vontade íntima é conseguir falar com o pai, já falecido.  Se você já viu algum outro filme envolvendo Ouija, sabe que as coisas não dão certo, e, claro, a jovem e sua família passam a ser assombrada por uma criatura mal intencionada.

Livremente baseado na história real de Estefanía Gutiérrez Lázaro, garota da cidade de Vallecas, na Espanha, o filme faz questão de reforçar essa origem: ademais de apresentar legendas de dias e horários dos fatos ao longo da história, explica antes e depois do filme (pra quê mesmo?) as circunstâncias que envolveram a polícia no caso.

O que Veronica tem de melhor é sua protagonista. A atriz estreante Sandra Escacena consegue transitar entre uma adolescente que ajuda a mãe, quase sempre ausente, a cuidar dos irmãos, a filha com saudade do pai e a vítima das forças do além, perdida e aterrorizada. Dois dos atores mirins, Bruna González e Iván Chavero, mostram expressividade e simpatia. Já a Irmã Morte, freira cega do colégio de Veronica, deveria ser um personagem estranho e ambíguo, mas, além de mal aproveitada, lembra muito a caracterização da entidade de “A invocação do mal”, o que tira um pouco de seu impacto.

A trilha sonora flerta com os teclados oitentistas, mas não consegue se sobressair nem ser um elemento especialmente relevante. Já a geografia e o desenho de produção do apartamento de Veronica ajuda algumas cenas a se tornarem mais ansiolíticas e ambíguas.

Veronica é um bom passatempo para quem está sentindo falta de um filme de terror sobrenatural. Mantidas as expectativas no patamar correto, pode entrar na lista dos filmes não-ruins, tão comuns, sobre as consequências da brincadeira do copo. Meio cheio. Meio vazio.

Not rated yet!

Veronica

20171 h 45 min
Overview

Madri, 1991. Uma adolescente é assombrada por um mal sobrenatural após fazer a brincadeira do copo com duas colegas de colégio.

Metadata
Director Paco Plaza
Writer Fernando Navarro, Paco Plaza
Author
Runtime 1 h 45 min
Country  Spain
Release Date 25 agosto 2017

Nota do Razão de Aspecto

 

O que você achou?

 
[Total: 8    Média: 3.1/5]