10 Filmes Excelentes Disponíveis na NET Now que Você Devia Conhecer – Parte 3

Nem só da Netflix vive o público que gosta de ver filmes em casa. Por melhor que seja o maior serviço de streaming do mundo, nem todos os bons filmes chegam ao seu catálogo. Uma boa alternativa para os cinéfilos é a NET Now, que tem lançado, rapidamente, tanto os blockbusters   quanto filmes menos comerciais, mas de grande qualidade, que chegaram a poucas salas de cinema, ou diretamente para a TV, no Brasil. Às vezes, não dá pra entender as escolhas dos distribuidores. A boa notícia é que a NET Now dá ao grande público o acesso a filmes que não poderiam ser vistos de outra forma por meios legais.

O problema é que, mesmo na NET Now, o catálogo é gigante, e precisamos tomar decisões. Como escolher entre centenas de filmes em lançamento se não souber nada sobre eles?  Muitas vezes o trailer é enganoso ou insuficiente para formar uma boa opinião. Por isso, o Razão de Aspecto lançou as listas 10 Filmes Excelentes Disponíveis na NET Now que Você Devia Conhecer e a dos 10 Filmes Excelentes Disponíveis na NET Now que Você Devia Conhecer – Parte 2!  Chegou a hora da lista dos 10 Filmes Excelentes Disponíveis na NET Now que Você Devia Conhecer – Parte 3!

Há filmes para todos os gostos: suspense/terror, comédia, drama, filmes europeus, filmes estadunidenses, filmes brasileiros  e filmes de festival. O que há de comum entre eles são a grande qualidade cinematográfica e o fato de serem filmes menos conhecidos do grande público. Pelo menos um deles vai agradar a você, sem nenhuma dúvida.

Aproveite!

10- Verão 1993

Representante da Espanha na disputa pelo Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

A pequena Frida é uma criança em crise. Depois de perder o pai, ela sofre  com a morte da mãe, devido a uma doença que ela ainda não é capaz de compreender. A garota é obrigada a se mudar para a casa dos tios, em outra cidade. Apesar do afeto e compreensão da família, Frida manifesta um comportamento agressivo, especialmente com a prima mais nova.

Verão 1993 tem um tom quase documental, filmado com muita sensibilidade. Trata-se de um drama forte e comovente, no qual a atuação da pequena Laia Artígas conduz a narrativa.

Representante da França na disputa pelo Oscar de Melhor Filmes Estrangeiro.
A história de uma comunidade fragilizada que lutou contra o ‘status quo’, por uma solução para a epidemia de AIDS nos anos 1990. Uma luta de heróis, conciliando conflitos e energia sexual, que salvou muitas vidas.
120 Batimentos por Minuto está ganhando destaque pelo tema e pela forma documental/crua/poética com que é tratado, mas os méritos vão além. Temos um cinema de boas ideias e que sabe o que quer ser.
Em uma fábrica de alumínio em MG, um jovem encontra o diário de um trabalhador que sofreu um acidente. Através da história, o filme faz um panorama das condições de vida de indivíduos marginalizados. Arábia é uma pérola do cinema brasileiro moderno, ainda desconhecido do público. Este filme merece sua atenção.
O continente europeu foi devastado por um vírus que transformou a população em canibais monstruosos. Um antídoto foi encontrado, mas, mesmo depois de curadas, as pessoas infectadas se lembram de tudo o que fizeram durante a alienação.
Os Curados apresenta uma abordagem original e incomum das premissas dos filmes de zumbi, associando a crítica social – que se havia perdido pela repetição da fórmula – com o suspense psicológico e o drama. Trata-se de um daqueles filmes que não chegam aos cinemas e nos fazem perguntar por que os distribuidores tomaram essa decisão. Felizmente, você poderá assisti-lo no conforto do seu lar.
Ingrid é uma jovem instável obcecada em ser amiga de Taylor, uma conhecida ‘influenciadora’ do Instagram. Esta comédia satiriza brilhantemente o mundo moderno das redes sociais e mostra que ser perfeito não é exatamente o que se acredita.
Uma rica família francesa vive em uma bolha burguesa no norte da França. Seus dias passam com leveza total e estão alheios a todo o desastre humano dos acampamentos dos migrantes a poucos metros de sua casa.
Michael Haneke, em sua melhor forma,  faz crítica social pesada à superficialidade, á desigualdade e á falta de empatia. Um filme imperdível para os fãs dos diretor, em particular, e do cinema de crítica social, em geral.
Representante da Alemanha na disputa pelo Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.
Neste premiado drama, a vida de Katja colapsa depois que sua família é vítima de um atentado. Entre o emaranhado sistema legal e o sentimento de perda, ela contempla qual seria a melhor vingança.
Vencedor do Globo de Ouro, Em Pedaços discute a complexidade da sociedade europeia, em geral, e alemã, em particular, diante da imigração, da xenofobia e do renascimento do fascismo. Um filme potente e desolador.
Um homem recém-falecido retorna em forma de um fantasma para sua casa no subúrbio com a intenção de se reconectar com sua esposa ainda viva, resultando em uma narrativa pouco convencional, talvez lenta demais para o público comum, mas muito inteligente na proposta e na abordagem. Você nunca imaginou que um lençol com dois furos pudesse ter tanta expressividade quanto Casey Affleck conseguiu imprimir a este personagem.
Moonee (Brooklynn Prince), uma agitada garotinha de seis anos, apronta com o vizinho Scooty (Christopher Rivera) e faz novas amizades nas redondezas dos parques Disney. Ela vive com a mãe (Bria Vinaite) numa hospedagem de beira de estrada e as duas contam com a proteção do gerente Bobby (Willem Dafoe) na batalha diária pela sobrevivência com poucos recursos e muitos riscos.
Se existe uma injustiça verdadeira no Oscar 2018, é a não indicação de Projeto Flórida a melhor filme, por ser superior a filmes como The Post, o Destino de Uma Nação e mesmo Dunkirk, mas a vida não é justa Com profunda sensibilidade, Projeto Flórida leva o espectador a uma jornada de amor, pobreza e perda de perspectiva ultrarrealista, com uma sequência final tão dramática que pode fazer desabar até os corações mais insensíveis (como o do nosso colega Lucas Albuquerque). Março começa com um provável candidato a melhor filme do mês.
Steven é um cirurgião casado e pai de dois filhos que leva uma vida relativamente tranquila até encontrar Martin, um garoto de 16 anos a quem resolve cuidar. Quando Martin entra em sua família, o mundo de Steven se torna caótico.
Se tivesse sido lançado no Brasil em 2017, O Sacrifício do Cervo Sagrado teria sido o melhor filme do ano lançado no Brasil, na minha lista pessoal, e certamente figuraria entre os dez melhores filmes do ano na lista do Razão de Aspecto. Claro, não se trata de um filme fácil, muito menos de um filme comercial, mas tem grandes méritos narrativos e temáticos. Um grande filme capaz de gerar grandes polêmicas.
Gostou da lista?  Conte-nos o que achou nos comentários!
Posts relacionados
Sundance
  • 21 jan 2018
  • 1
Segundo dia do Festival de Sundance 2018 e o Maurício Costa cobriu três longas e ainda viu um filme do Nicolas Cage pertinho do próprio...
  • 10 maio 2017
  • 4
Você se interessaria por histórias passadas em um ambiente medieval, cheio de magia, batalhas violentas, personagens carismáticos e misteriosos, traições e rivalidades familiares, inclusive incesto?  ...
  • 22 out 2016
  • 1
Gênero: Biografia Direção: Michael Grandage Roteiro: John Logan Elenco: Colin Firth, Jude Law, Nicole Kidman, Laura Linney, Guy Pierce, Dominic West, Andrew Byron, Angela Ashton, Atul Sharma, Bern Collaco, Demetri Goritsas,...